Batman: Quadrinhos que você precisa ler para conhecer o morcegão
15/04/2016
RafaTanaka (732 artigos)
0 comentários
Compartilhar

Batman: Quadrinhos que você precisa ler para conhecer o morcegão

FacebookTwitterGoogle GmailShare

Com Batman vs Superman nos cinemas, muitos me questionaram bons quadrinhos para se ler e entender um pouco mais do morcegão, então pensei: Por que não recomendar alguns quadrinhos para pessoas querem conhecer um pouco do símbolo criado por Bruce Wayne.

Ano Um

Em 1987, Frank Miller e David Mazzucchelli recriaram de maneira grandiosa a origem do personagem. A história mostra o primeiro ano de Bruce Wayne como Batman, todas as complicações e os desafios encontrados por ele durante seu começo, principalmente o primeiro encontro com Selena Kyle (Mulher Gato) e o Comissário Gordon, e como este ainda o via como ameaça e duvidava de suas ações. Quer começar a ler, comece por este.

O Longa Dia das Bruxas

Quase uma continuação espiritual de Ano Um, esta mini série é focada na caçada de Batman pelo assassino que está causando inúmeros vítimas no festival de Halloween. Jeph Loeb e Tim Sale criam uma história de gato e rato, o maior detetive sofre para encontrar o psicopata, o quadrinho foi uma grande inspiração para Christopher Nolan em O Cavaleiro das Trevas (2008).

Corte das Corujas

Em 2011 quando o universo inteiro da DC foi reformulado, e veria a se tornar Os Novos 52, teríamos uma releitura de origem e novos arcos para alguns heróis da editora. Batman teve uma reinício em uma trama que não tinha para oferecer no começo mas depois se tornou um excelente enredo de conspiração. Desde do passado Gotham era governada por uma sociedade secreta o que faz Bruce Wayne investigar e se tornar obcecado pela verdade. Escrito por Scott Snyder  e com arte de Greg Capullo, a história é cheia de intrigas e reviravoltas sem falar a apresentação de um novo e icônico vilão, Talos.

O Homem que Ri

Pelo nome você já deve ter sacado que esta história se trata de ninguém menos e ninguém mais que o maior vilão de Batman: Coringa. Nesta história temos o primeiro e grande encontro entre herói e vilão. Uma reimaginação pela mente de Ed Brubaker (Soldado Invernal) e Doug Mahnke que define a maneira que o Coringa sempre foi, cheio de risadas, armas e bombas.

A Piada Mortal

Enquanto na outra história temos o primeiro encontro, neste temos o último dos dois. Uma história controversa e que gerou grande alarde quando foi lançada, tudo porque neste arco podemos ver como o Coringa se torna um psicopata e começa a tomar ações tensas até mesmo para seu histórico, sem falar seu plano para destruir o Comissário Gordon. Até hoje está em todas listas de histórias obrigatórias do Homem Morcego. Escrita pelo mestre Alan Moore (Watchmen).

Guerra ao Crime

Escrita por Paul Dini, produtor executivo da maravilhosa Batman Animated Series e criador da Arlequina. Batman volta ao seu passado cruel quando assiste a um jovem garoto assistir a morte dos pais. Com arte icônica de Alex Ross (Reino do Amanhã) esta é uma das outras história que não pode faltar ler.

Batman e Filho

Fase em que Grant Morrison tomou conta das histórias de Batman, ele continuou o legado criado por seus antecessores mas também apresentou novas coisas. O enredo apresenta de Damien, filho de Bruce com Talia, filha de Ra’s Al Ghul, líder da Liga dos Assassinos, um jovem garoto que descobre o pai e tem que tomar o manto de Robin mas que ainda precisa ser treinando em não apenas lutar mas ver o mundo do jeito que o Batman enxerga.

Branco e Preto

A beleza do personagem são suas histórias, todo escritor pode escrever mas poucos conseguem criar bons enredos, neste quadrinhos temos várias histórias escritas por excelentes roteiristas incluindo ruce Timm, Joe Kubert, Howard Chaykin, Walter Simonson, Matt Wagner, Bill Sienkiewicz, Warren Ellis e  Jim Lee. Cada um traz sua visão para o Morcegão.

O Cavaleiro das Trevas

Antes de Frank Miller nos trazer sua origem do Morcego ele trouxe um dos maiores arcos já feitos. Aqui temos um Bruce Wayne velho e cansado e abandonou o manto há muito tempo, não existem mais vilões e os que sobraram estão na cadeia, mas parece que falta algo em sua vida, os crimes voltam a crescer em Gotham e uma nova guangue começa a tomar conta do caos, ele decide voltar a ser Batman e lidar das coisas ao seu modo. A história foi enorme referência para Batman vs Superman, principalmente pela luta final entre homem e deus.

O que aconteceu ao Cavaleiro das Trevas?

Para finalizar temos um arco grandioso escrito por Neil Gaiman. Batman morreu e seus amigos e até mesmo seus vilões recontam histórias para imortalizar a vida do Cavaleiro das Trevas. Em um arco dividido em duas partes, Gaiman consegue trazer uma maestria e beleza para o legado do personagem.

 

FacebookTwitterGoogle GmailShare

comentários

RafaTanaka

RafaTanaka

Diretor de Atendimento/ Planejamento e Redator. Formado em Publicidade e Propaganda. Amante do Cinema, Quadrinhos e Games.

Comentários

Sem Comentários Ainda Você pode ser o primeiro a comentar neste post!

Escrever comentário

Seus dados estarão seguros! Seu endereço de email não será publicado. Seus outros dados também não serão compartilhados com terceiros. Os campos obrigatórios estão marcados como *