Thor: O deus que não era deus
01/11/2013
David MacLeod (41 artigos)
0 comentários
Compartilhar

Thor: O deus que não era deus

FacebookTwitterGoogle GmailShare

Thor

Olá , leitores do Humanoides, tudo bem?

 

É noite de quinta feira, 31 de outubro, estou em meu quarto tentando escrever uma resenha de “Thor ” e contemplando as linhas riscadas do meu bloco de notas mas tá difícil: eu achei o filme tão descartável que nem tive paciência para revê-lo no fim de semana. Não me entendam mal: quando eu assisti pela primeira vez achei razoável, uma nota 7,mas depois de um tempo eu simplesmente tinha esquecido da trama, subtramas e dos melhores momentos. E, cá entre nós, que roteiro frouxo , hein? Thor começa o filme meio turrão, arrogante e cheio de si, aí quase faz merda e é mandado para a Terra, e em cerca de 24 horas consegue passar de Sr. Fodão para sr. Eu-sou-um-cara- legal. Natalie Portman atua inexpressivamente, sendo eclipsada pela Darcy, em suas curtas e pontuais aparições.Anthony Hopkins é  Anthony Hopkins. Tom Hiddlestom  rouba o filme.

 

Ok, chega de falar mal, Thor: o mundo sombrio estréia amanhã, ou melhor, hoje, 01/11, e segundo o “boss ” Rafa Tanaka, vale a pena.

E mesmo não tendo curtindo o primeiro, vou assistir ao segundo.

FacebookTwitterGoogle GmailShare

comentários

Marcadores Deus, Thor, Vingadores
David MacLeod

David MacLeod

Apenas mais um tijolo na parede. Hater da Marvel e Amante da DC, mas as vezes se atreve ler algo da Casa das Ideais, pois o Stan Lee é o rei.